terça-feira, 30 de maio de 2017

Chá de bebê no trabalho

No lugar onde trabalho tem muitas mulheres e, claro, de vez em quando uma gravidinha. A tradição por lá é sempre ter um chá de fraldas, uma coisa rapidinha no meio do expediente, mas que está cada vez mais caprichado. Como a maioria é de arquitetas, já dá para imaginar que a decoração é um item bem importante!

Dessa vez a mamãe foi Mariana, que espera seu baby Rafael para o próximo mês. Mickey foi o tema, com uma  mistura bem bacana de vermelho, preto e amarelo. Olha só como ficou lindo:



Vista de cima da mesa


Detalhe do painel -  desenhado e colorido por uma colega


Detalhe dos deliciosos brownies feitos pela mamãe, com formato do Mickey.



Mickey tomando conta das  delícias





As lembrancinhas foram biscoitos em forma de Mickey - também feitos pela mamãe.



Olha a mamãe Mari posando junto à mesa decorada!


E aí, gostaram?

Um beijo,
Adri.




quarta-feira, 15 de março de 2017

Estreia nos cinemas A Bela e a Fera

Só eu estou ansiosa pela estreia de A Bela e a Fera nos cinemas? Ando convencendo meu filho, de sete anos, que ultimamente se interessa mais por Batman Lego ou coisa assim, a ir assistir comigo. Ele diz que só vai se for para me ajudar a cuidar da irmãzinha menor. Mas, na verdade, tenho certeza de que ele vai gostar. Já fomos duas vezes assistir a uma mesma produção teatral aqui de Recife e ele adorou (e eu também).

Foto: Divulgação

Próximo dia 16 de março, com direção de Bill Condon (o mesmo da saga Crepúsculo), será lançado o longa em todo Brasil. Quem dá vida à personagem Bela na trama é a triz Emma Watson - a eternizada Hermione Granger da série 'Harry Potter'. A Disney já tinha produzido uma animação do clássico em 1991, um grande sucesso que ganhou dois Oscars. Agora, a versão em filme - live action, já está sendo sucesso antes de ser lançado. Segundo o site G1.com, o trailer é um recorde de visualização, bateu a marca do mais visto nas primeiras 24 horas no ar da história. O recorde anterior era de 'Cinquenta Tons Mais Escuros'.

Mas, apesar de todo esse sucesso pré-filme, há uma polêmica em torno da trama. É que parece que existe um "mometo gay", como o próprio diretor havia anunciado, entre dois personagens. Mesmo os atores garantindo que a abordagem é muito sutil, provavelmente só os adultos notariam, alguns países resolveram se manifestar contra a cena: de acordo com o site adorocinema.com, a Rússia proibiu sua exibição e a Malásia adiou sua estreia indefinidamente. Será que tudo isso vai gerar mais curiosidade ou os pais mais cautelosos evitarão levar os pequenos? 

Você conhece a história ?

Bela é uma menina que mora numa aldeia francesa. Seu pai é capturado pela temida fera. Para tentar salva-lo, ela se oferece em troca de sua liberdade. Já vivendo no castelo onde fica aprisionada, ela conhece objetos mágico e acaba descobrindo que a fera, na verdade, é um príncipe que precisa de amor para voltar à forma humana. 

Assista ao trailer:



E aí, quem vai conferir nas telonas?

Um beijo,
Adri.

 

 

 




quarta-feira, 8 de março de 2017

Vacina HPV também para os meninos.

A vacina contra o HPV está incluída no calendário nacional de vacinação desde 2014, mas só para as meninas. Agora, os meninos também podem se vacinar gratuitamente. O Ministério da Saúde anunciou no início deste ano que a vacina vai ser estendida aos meninos de 12 a 13 anos, através do SUS em postos de vacinação de todo Brasil. Essa é realmente uma ótima notícia! Mas você sabe para que serve essa vacina?



O que é o HPV?


O HPV é um vírus altamente contagioso, transmitido entre as pessoas principalmente através da relação sexual.  A infecção é muito frequente, mas transitória, regredindo espontaneamente na maioria dos casos; porém, persistindo a infecção,  pode ser responsável por câncer de colo do útero, de pênis, ânus, garganta e causar verrugas genitais.

Estudos realizados em outros países mostram que a inclusão dos meninos na vacinação, além de protegê-los, também contribui para a diminuição do câncer de colo de útero das mulheres, já que minimiza a circulação do vírus na população.

E quais as mudanças na vacinação contra o HPV em 2017 pelo SUS?


Para você que tem um filho ou filha com 9 anos ou mais, saiba que é muito importante já vacina-lo a partir dessa idade. Segundo o Ministério da Saúde, ela é mais eficaz para adolescentes antes do seu primeiro contato sexual, porém deve ser dada mesmo em quem já teve a iniciação e também para quem já foi infectado pelo vírus.  A vacina já é disponível na rede particular há alguns anos de forma mais ampla; na rede pública havia algumas restrições que serão modificadas esse ano. As principais mudanças são:
  • As duas doses que eram dadas para as meninas entre 9 e 13 anos, passa agora para 9 a 14 anos;
  • Os meninos, que antes não recebiam, agora serão incluídos no programa, com 2 doses entre 12 e 13 anos.
Fiquei sabendo que o Brasil é primeiro país da América do Sul a oferecer a vacina contra o HPV para meninos em programas nacionais e que, até 2020, a faixa etária será ampliada gradativamente até atingir os meninos a partir do 9 anos também.

E aí, vamos proteger nossos pequenos?


Um beijo,
Adri.

Fontes de pesquisa:

g1.globo.com
www.mihavida.com.br
www.brasil.gov.br
portalsaude.saude.gov.br
agenciabrasil.ebc.com.br







quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

12 inspirações de fantasia para os pequenos

O Carnaval de 2017 já está chegando. Todo mundo já com a fantasia pronta? Para quem ainda não está, olha só umas inspirações para os pequenos curtirem a folia!

Imagem: blogs.odiario.com
Alice no País das Maravilhas


imagem: abrakadabra.com.br
Chapeuzinho Vermelho


Imagem: mercadolivre.com.br
Chaves


Imagem: fantasiaskitok.com.br
 Cigana

Imagem: elo7.com.br
Colombina Metalizada

 
Imagem: pontodadanca.com.br
 Fred Flinstones


Imagem: megashopsul.com.br
 Grego


Imagem: sabedoriaglobal.com.br
 Odalisca


Imagem: elo7.com.br
 Olaf


Imagem: fazerartesanatos.com.br
 Palhacinha


Imagem: Pitadadesonho.com.br
 Peter Pan


Imagem: vitrinesdocomercio.com.br
 Pirata


E aí, gostaram? Só não se esqueçam do filtro solar e de manter as crianças sempre bem hidratadas.

Um beijo,
Adri.

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Entrevista - Drenagem linfática para gestantes.

Sempre soube que drenagem linfática era uma ótima opção para as grávidas e que ajudava a evitar os inchaços típicos dessa fase. Fiz durante minhas duas gestações e a sensação era ótima, saía de lá super relaxada. Sentia que me fazia muito bem, mas sem saber ao certo o porquê. Essa semana, fui conversar com a biomédica esteta Luciana Cabral, da clínica de estética Slim Aflitos, aqui em Recife. Tirei várias dúvidas, que podem ser esclarecedoras para as gravidinhas que estão pretendendo buscar os benefícios que o tratamento pode trazer. Confira na entrevista abaixo:





Filhos etc. Quais são os benefícios da drenagem linfática para gestantes? A partir de quantas    semanas já se pode fazer?

Dra. Luciana Cabral: A drenagem em gestante só pode ser feita a partir do terceiro mês de gestação, quando não se corre nenhum risco. Os benefícios são diversos, onde podemos destacar os mais importantes: melhorar a circulação sanguínea e linfática gerando menor desconforto com a retenção de liquido e reduzindo os inchaços.

Fetc.: Qualquer pessoa pode receber a drenagem? É necessário que haja autorização do obstetra?

LC: Não é qualquer gestante que pode receber a drenagem. As que correm risco durante a gestação não podem fazer, exceto se tiver liberação da sua ginecologista obstetra. As demais, podem e devem fazer.

Fetc.: Qual a frequência ideal das sessões?

LC: Frequência semanal de duas a três vezes.

Fetc. É verdade que a drenagem pode estimular a lactação e preparar as mamas para a amamentação?

LC: Não! Não existe correlação alguma com o leite materno e a drenagem linfática.

Fetc.: Existe algum dano à saúde, caso a drenagem seja feita de forma inadequada?

LC: Existe sim, pois tem alguns pontos que são estimulantes e podem ser abortivos. Devido a isso que indico que a drenagem seja feita por especialista em drenagem gestacional.

Fetc.:Também é indicada para as mulheres no pós-parto? Quanto tempo depois, nos casos de cesariana e parto normal, pode ser feita?

LC: Por se tratar de um pós operatório é recomendado fazer ou dar continuidade as drenagens pós parto. Após uma semana da cesariana ou parto natural, pode ser realizado as drenagens com o mesmo intuito de benefícios: melhorar a retenção e o desconforto de um pós operatório. Claro que o tempo não será o mesmo, pois toda a adaptação ainda esta recente mas o cuidado com si não pode ser desprezado.

Fetc.: A drenagem linfática ajuda a voltar à forma? Qual outro tratamento poderia ser aliado para ajudar as mamães a voltar ao corpo de antes da gravidez?

LC: A drenagem ajuda bastante as mamães a voltarem ao corpo, porem o essencial ainda é a amamentação. Diversos outros tratamentos podem ser associados com a drenagem no pós gestação, exceto os usados com medicamentos pois passar no leite e assim prejudicando o bebê. Os demais podem ser feitos sim: estrias, celulite, gordura localizada e melasma ou cloasma (manchas originadas durante a gestação).

Fetc.: A Slim oferece atendimento especial para as gestantes  e recém mamães?

LC: A Slim oferece todo suporte para as gestantes e recém mamães, desde tratamentos corporais, faciais até o pilates. Nossa equipe é formada por pessoas capacitadas e qualificadas para atender todas as mulheres gestantes e as mamães.


Espero que tenham gostado!

Um beijo,
Adri.



Sobre a clínica:

SLIM - MEDICINA ESTÉTICA
Unidade Aflitos - Rua Carneiro Vilela, 688, Recife/PE. Fone: (81) 3204-8200
Unidade Boa Viagem - Rua Amaro Albino Pimentel, 171, Recife/PE. Fone: (81) 3033-3366
Unidade Aldeia - Estrada de Aldeia, km 9,5, Camaragibe/PE. Fone: (81) 98462-0142 


1 

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Roupa nova de criança deve ser lavada antes de usar?

Todo mundo sabe que as roupinhas do bebê devem ser lavadas antes do uso. Mas até que idade isso é fundamental? Meus filhos hoje estão com 3 e (quase) 7 anos, e outro dia me peguei com essa dúvida, quando comprei uma roupa nova para o mais velho. Comecei a perguntar às pessoas sobre isso e as opiniões variavam; há quem ache um exagero para quem já não é mais um bebê e há também quem mantém esse hábito até na fase adulta. Eu, claro, fui pesquisar! 

Imagem: meu-bebe.com

Na verdade, eu acreditava que o grande problema de não lavar as roupas quando se chegava em casa era o fato de elas estarem até então expostas à poeira e manuseio das pessoas na loja e na fábrica. Porém, segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), pode haver várias substâncias tóxicas presentes nas roupas, como corantes, metais pesados como o chumbo e até pesticidas nas fibras de algodão. Tudo isso pode desencadear processo alérgico para quem tem predisposição.

Por isso, a SBP não só recomenda a lavagem antes do uso, como uma higienização com vários enxagues, a fim de eliminar ao máximo os resíduos químicos presentes no tecido. E ainda alerta que as peças mais estampadas e multicoloridas estão mais propensas a conter mais produtos danosos à saúde.

Pois então é isso, gente querida! Nada de vestir o pequeno com a roupinha direto da loja. Se eu tinha alguma dúvida, agora não tenho mais!

Um beijo em todos,
Adri.


p.s. Acompanhe as novidades de Filhos etc. no Facebook e Instagram (@filhos_etc)



Fonte de pesquisa:
EBC.com.br

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Nomes mais escolhidos em 2016

Você já parou para pensar por que determinados nomes ficam populares ou voltam a ser? Segundo uma pesquisa do site Babycenter, os maiores influenciadores na escolha foram programas de reality shows de culinária, filmes e até telejornais. Os nomes Miguel e Alice lideraram o ranking de 2015 e repetiram a dose em 2016.

Heitor e Helena são clássicos que estão em ascensão, são os que mais subiram na lista dos preferidos. Miguel ainda é, além do primeiro do ranking, um dos campeões em formação de nomes compostos. E falando em nomes duplos, Maria Júlia foi um dos que mais subiu na preferência. Já os novatos na lista dos dez mais foram Lívia e Lorenzo, coincidência ou não, esses foram os nomes de duas crianças finalistas do Master Chef Junior - programa de muita audiência da TV. 

Abaixo, o "top 10" para meninos e meninas desse ano no Brasil:

meninos

1.  Miguel
2.  Arthur
3.  Davi
4.  Bernardo
5.  Heitor
6.  Gabriel
7.  Pedro
8.  Lorenzo
9.  Lucas
10. Matheus 


meninas

1.  Alice
2.  Sophia
3.  Laura
4.  Valentina
5.  Helena
6.  Isabella
7.  Manuela
8.  Júlia
9.  Luiza
10. Lívia


A lista completa com os 100 nomes mais escolhidos pode ser conferida em Ranking Babycenter 2016 - meninas e Ranking Babycenter 2016 - meninos.


Um feliz ano novo!
Adri.



Fontes de pesquisa: 
exame.abril.com.br
brasil.babycenter.com